Gaeco
Foto: Divulgação

Nesta sexta-feira (29) a capital amazonense começou agitada com uma operação intitulada de “Espólio” do Gaeco, do Ministério Público do Amazonas (MP-AM), com o objetivo de cumprir mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão

Conforme detalhes que ficaram de ser divulgados no final da manhã de hoje, servidores públicos da Polícia Militar do estado são acusados de vários crimes.

A operação investiga policiais militares pela suposta prática de extorsão qualificada, roubo, cárcere privado, violação de domicílio e organização criminosa.

Os mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão estão sendo cumpridos pelas equipes do GAECO, da Polícia Civil do Amazonas e da Diretoria de Justiça e Disciplina, da Polícia Militar do Amazonas.

A operação Espólio, além das prisões, fez também busca e apreensão em endereços dos policiais. A

De acordo com o MP, a operação tem apoio da própria Polícia Militar, após investigações também da Auditoria da Justiça Militar. Ainda não se sabe quantos militares são alvos da ação nem quantas ordens foram cumpridas até o momento.

Texto: Lara Tavares

Leia Mais: