Durante fevereiro o Serviço de Vigilância e Repressão ao Contrabando e Descaminho (SEREP) da Alfândega do Porto de Manaus realizou 19 operações de fiscalização no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes e no Centro de Tratamento de Cartas e Encomendas (CTCE/AM), que resultaram na apreensão de 46 quilos de Skunk e diversas drogas e substâncias ilícitas, de lança perfume até sementes de maconha.

Operações no Aeroporto Internacional Eduardo Gomes

O SEREP realizou 7 (sete) operações de fiscalização nos recintos alfandegados do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes utilizando a Equipe K9 da Receita Federal em Manaus, com atuação do agente canino ODIN. O foco das operações foi o combate ao tráfico de entorpecentes e outros ilícitos. Os procedimentos de fiscalização e controle aduaneiro foram realizados nas esteiras e carretas de malas despachadas, bagagens de mão, pré check-In, fila de embarque, sala de embarque e na cabine dos passageiros, após o embarque.

Nos dias 12, 14 e 19 de fevereiro foram apreendidas malas com Skunk, despachadas por passageiras com destino Guarulhos/SP. Respectivamente as quantidades foram 10kg, 16,48kg e 5,56kg. No dia 23/02 7,148kg de Skunk foram apreendidos na bagagem de mão e no corpo de passageiros, sendo 2 (dois) na sala de embarque para Brasília/DF e 2 na cabine de passageiros do avião que tinha como destino Viracopos/SP.

Operações nos Correios

No Centro de Tratamento de Cartas e Encomendas (CTCE/AM) o SEREP realizou 12 operações de fiscalização e controle aduaneiro. Para a identificação de encomendas suspeitas foram utilizados o aparelho Scanner fixo dos Correios e as Equipes K9 da Receita Federal em Manaus, com os agentes caninos ODIN e DECO. 56 encomendas foram apreendidas por conterem drogas e substâncias ilícitas.

Chamou atenção das Equipes da Receita Federal o fato de que das 27 encomendas contendo Skunk, saindo de Manaus para outras cidades do país, 16 eram do mesmo remetente e estavam acondicionadas em bombas utilizadas para encher colchões infláveis. As demais drogas apreendidas estavam escondidas em diversos objetos de higiene pessoal, brinquedos, tênis e produtos alimentícios.

Os totais de drogas apreendidas nos Correio durante o mês de fevereiro, saindo de Manaus, foram: 324g de Metanfetamina e 6,9kg de Skunk. Entrando em Manaus os totais foram: 840 ml de Canabidiol, 165 comprimidos de Ecstasy, 55 g de Haxixe, 207 frascos de Lança Perfume, 31 grama de maconha e 77 sementes de maconha.

Atuação da Receita Federal do Brasil

A Receita Federal do Brasil informa à sociedade que permanece, mesmo durante a pandemia de Covid-19, realizando normalmente suas ações de combate ao contrabando e descaminho na cidade de Manaus.