Cuiabá| Em Canarana, cidade a 838 km de Cuiabá, um jovem matou sua filha de 4 anos, atirou no filho de 3 e depois se matou nesta segunda-feira (2). Lucas Diniz da Silva, segundo a Polícia Civil, cometeu o crime por vingança após ter sido preso por ter agredido a ex-mulher, mãe das crianças. 


O homem de 27 ano, teria cometido o crime em sua casa por volta das 22h40. 
Depois de ser solto, após as agressões contra a ex, Lucas pediu a mãe das crianças que os filhos dormissem com ele naquela noite. Algumas horas depois, junto com as crianças, ele começou a mandar mensagens com ameaças para a ex-mulher. Dentre as mensagens, uma foto de uma arma foi enviada. 


A ex-sogra de Lucas acionou a polícia, que, ao chegar ao local, ouviu os barulhos de tiro. Quando entraram na casa de do homem, o pai e os filhos estavam deitados na cama, todos feridos com tiros na cabeça. 


As crianças ainda foram resgatadas com vida enquanto Lucas morreu na hora. No caminho para o hospital, a menina de 4 anos morreu. O menino resistiu e foi transferido para o Hospital de Água Boa, há 736 km de Cuiabá. 

A arma usada por Lucas foi apreendida e a perícia foi feita no local.