Amazonas – O prefeito Chico Belo (PSC), mais uma vez rir do povo do município de Anamã distante a 209 km de Manaus, ao contratar familiares para cargos na prefeitura e vale ressaltar que não é a primeira vez, o gestor está na mira do MP-AM por improbidade administrativa.

Desde o ano passado o chefe do Executivo Municipal é denunciado pelos órgãos de fiscalização do Amazonas por distribuir cargos para familiares.

Na maior cara de pau, Chico Belo ” que já estar ficando feio” ainda chegou a entregar as chaves do cofre da prefeitura para Ruam Bastos que é filho do gestor e também é apontado como principal fornecedor de recursos para a campanha da nora a vereadora Jéssica Conegundes casada com Ruam.

Fazendo tal ato, Chico estava “garantindo o seu”, caso a nora fosse eleita e entrasse para a Cãmara Municipal de Anamã

A candidata na época foi eleita com 322 votos (4,85%), tanto Chico como Ruam fizeram doações para a campanha da parlamentar.

Nesse ínterim, o promotor eleitoral Kleber Antony Neto entrou com ação ainda em dezembro do ano ´passado para apurar o grau de parentesco da candidata com Chico Belo.

Conforme documentos, o promotor questiona e diz que Jéssica não poderia se candidatar a vaga de vereadora por ser nora do gestor além de ter declarado em registro de candidatura ser “solteira”.

 veja documentos que comprovam a investigação da justiça sobre o grau de parentesco