Amazonas – O pescador José Brito Lopes de 69 anos, foi assassinado, na manhã desta terça-feira (31) em uma canoa de pesca, no município de Parintins, distante 369 quilômetros de Manaus.

De acordo com informações preliminares, a morte do pescador tem haver com briga entre facções criminosas no município. O homem foi atingido com dois tiros de arma de fogo na região da cabeça, quando voltava de uma pescaria.

O pescado foi morto dentro da canoa onde estava seu filho. A criança e os familiares ficaram desesperada quando o corpo chegou na canoa na beira do Rio Amazonas.

O pescador era tio de um dos envolvidos na morte de Renato Ferreira Oliveira, mais conhecido por “Renatinho”, que levou 13 facadas no início da noite de segunda-feira dia (29), após uma briga generalizada na casa da sogra dele situada na Rua Padre Torquato, bairro de Palmares.

Outro homem, por nome Thierles de Souza Lopes, de 32 anos, ficou ferido no rosto durante a confusão, e se recupera no Hospital padre Colombo, ele é suspeito de participação na morte de “Renatinho”.

Duas equipes da Policia Militar e investigadores da Policia Civil investigam os casos, em diligências nas orlas e áreas periféricas de Parintins.

Vídeo: Reprodução